sábado, 2 de junho de 2012

Permitido chorar

Eu quero você longe. Bem longe, aqui do meu lado. Eu quero te odiar tanto até poder dizer apenas que te amo. Eu não quero ouvir nada do que você tem pra me dizer, apenas horas e horas de declarações de amor. Eu não quero te desculpar, só dizer que te perdoo. Eu não quero ser magoada mais uma vez, só te entreguei meu coração para fazer dele o que quiser.
Eu não quero, mas faço. Eu não vou, mas você me arrasta. A única coisa que desejo nessa vida é um pouco de liberdade. Não quero mais me sentir presa à você. Não quero você. Não mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário